- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
sexta-feira, 12 abril, 2024 - 14:29 PM
- PUBLICIDADE -

GDF antecipa pagamentos e beneficia 140 mil famílias no Distrito Federal

Secretaria de Desenvolvimento Social adianta DF Social e Cartão Gás para auxiliar durante Semana Santa, totalizando investimento de R$ 17 milhões

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) do Distrito Federal surpreendeu ao antecipar, para esta quinta-feira (28), os pagamentos tanto do programa DF Social quanto do Cartão Gás. Tradicionalmente, esses benefícios são disponibilizados no primeiro dia útil de cada mês, mas a iniciativa visa oferecer apoio adicional às famílias durante o feriado da Semana Santa.

Ao todo, o investimento totaliza uma quantia significativa de R$ 17.252.115, beneficiando 140 mil famílias no DF. Destas, 70 mil são beneficiárias do DF Social, recebendo um auxílio mensal de R$ 150, enquanto outras 70 mil famílias são atendidas pelo Cartão Gás, que oferece um auxílio bimestral no valor de R$ 100 para a compra de gás liquefeito de petróleo (GLP) de 13 kg.

Ana Paula Marra, secretária de Desenvolvimento Social, destacou a importância da antecipação, afirmando que isso garantirá aos beneficiários o acesso aos recursos antes de um período de despesas mais elevadas. “Será um auxílio importante para pagar as despesas nesse período”, enfatizou Marra.

Para se qualificar para esses benefícios, é necessário cumprir critérios específicos, incluindo estar inscrito no Cadastro Único, possuir renda familiar per capita de até meio salário mínimo, declarar comprometimento de renda com a aquisição do GLP de 13 kg e residir no Distrito Federal com idade igual ou superior a 16 anos.

É importante ressaltar que o cidadão pode perder o benefício caso deixe de atender a esses critérios estabelecidos, destacando a necessidade de manter os requisitos necessários para continuar recebendo o suporte financeiro oferecido pelos programas sociais do governo local

Nos siga no Google Notícias
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

STF muda entendimento sobre “revisão da vida toda” no INSS

Por sete votos a quatro, ministros do Supremo Tribunal Federal derrubaram a tese que permitia que aposentados incluíssem contribuições recebidas antes de julho de 1994 para correção do valor do benefício.
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

Que fazer parte do nosso grupo no Wpp?