- PUBLICIDADE -
segunda-feira, 1 março, 2021 - 03:30 AM
- PUBLICIDADE -

Itapoã: ciclistas e pedestres vão dividir espaço com segurança

A estrutura de 1,57 km será construída às margens de pista que interliga a Rota do Cavalo à região administrativa

Depois de ser asfaltada e receber iluminação, a via que interliga a Rota do Cavalo (DF-440) ao Itapoã, perto do fórum da cidade, vai ganhar uma estrutura adequada para a passagem de pedestres e ciclistas. O Instituto Brasília Ambiental (Ibram) concedeu autorização para a supressão da vegetação nativa às margens da pista e a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) deve começar as obras nos próximos dias, promessa feita aos moradores da região em julho do ano passado, quando a pavimentação da via foi inaugurada.

O local vai ganhar um passeio compartilhado, uma calçada larga devidamente sinalizada por onde passarão pessoas a pé e bicicletas. Projeto da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh), trata-se de uma solução de baixo custo que garante a segurança de pedestres e ciclistas em locais de baixa circulação de pessoas.

De acordo com o Caderno de Referência para elaboração de Plano de Mobilidade por Bicicleta nas Cidades, da Secretaria de Mobilidade do Ministério das Cidades, a solução poderá ser aplicada em situações em que o fluxo de ciclistas seja inferior a 1.000 bicicletas por hora. No passeio não pode haver qualquer divisão ou separador fixo para o tráfego de pedestres e de ciclistas e a sinalização deve indicar que no local ocorre a circulação compartilhada.

A estrutura no Itapoã será igual a da já existente em Brazlândia | Foto: Acácio Pinheiro / Agência Brasília

A calçada deve ter, no mínimo, 3 metros de largura, o dobro das dimensões usuais de 1,50 de largura. “É uma solução que gera economia para os cofres públicos enquanto não há um fluxo de pessoas suficiente para construir as duas estruturas, a ciclovia e a calçada”, explica Anamaria de Aragão, coordenadora de Projetos da Seduh. Uma calçada do tipo foi executada por essa gestão na lateral do Hospital de Brazlândia que leva até o Sesc.

Recursos próprios

O passeio compartilhado terá 1,57 km, a mesma extensão da via, e será implantado na lateral esquerda da pista. A construção da estrutura, com recursos próprios da Novacap, vai começar nos próximos dias e, depois de iniciada, deve ficar pronta em 45 dias. “É uma obra direta, vamos utilizar nossa mão-de-obra, materiais e máquinas, e apenas no final dela vamos levantar os custos”, explica o diretor do Departamento de Infraestrutura Urbana da Novacap, Márcio Costa. “Assim que a chuva der uma trégua, vamos iniciar a construção”, diz.

A pista fica ao lado do Fórum do Itapoã, inaugurado em março do ano passado. Também fica nos fundos das quadras 202, 203, 378 e 379 do Dell Lago II, uma região ocupada há cerca de 20 anos, mas que começa a receber benfeitorias do governo. É na região que fica a nova Escola Classe que será construída pelo GDF.

O chefe de gabinete da Administração Regional do Itapoã, Raimundo Risonaldo Paz, conta que, apesar de não ter sequer calçada ou qualquer estrutura para o tráfego de pedestres, a pista é usada pelos moradores da região para caminhadas, especialmente no fim da tarde. “Logo que a pavimentação foi inaugurada, fizeram iluminação aqui. Antes não tinha nenhuma, era tudo escuro. Mas ainda é perigoso, as pessoas andam no meio da rua”, diz.

Segundo a administração, muitos ciclistas que moram em Sobradinho, e até em Planaltina, e trabalham no Itapoã passam pelo local diariamente.

Informações da Agência Brasília

Nos siga no Google Notícias
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

VÍDEO | Agentes do Detran socorrem idoso perdido

O senhor havia saído para comprar pão, mas não se recordava do caminho de volta para casa. Durante patrulhamento de...
- PUBLICIDADE -

Continue Lendo