- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
sexta-feira, 20 maio, 2022 - 05:26 AM
- PUBLICIDADE -

Superliga: Minas vence Cruzeiro de virada e força 3º jogo da final

O Minas Tênis Clube venceu de virada o Cruzeiro por 3 sets a 2 no início desta tarde e adiou para o próximo domingo (8) a decisão do título da edição 2021/22 da Superliga masculina de vôlei. Mandante do jogo na Arena Sabiazinho, em Uberlândia (MG), o Minas entrou pressionado a vencer, pois perdera o primeiro jogo por 3 a 2. Após sair atrás no primeiro set (21/25), os donos da casa conseguiram uma recuperação espetacular: venceram os dois sets seguintes (com um duplo 25/22), mas tropeçaram na quarta parcial, e a vitória veio após eletrizante após terceiro match point no quinto set (tiebreak) por 18 a 16. O Minas busca o tetracampeonato na Liga após dez anos (levantou a taça em 2000, 2001 e 2002).

O jogo começou bem equilibrado no Sabiazinho, diante de 4.652 torcedores, boa parte de torcedores cruzeirenses, embora o Minas fosse o mandante do segundo jogo. A partida de hoje (1º) , apelidada de “Pão de Queijo”, por reunir dois times mineiros, não pode ser realizada na sede do Minas, em Belo Horizonte, devido à capacidade do ginásio (abaixo de cinco mil lugares, como é exigida pela Confederação Brasileira de Voleibol).

Os visitantes entraram em quadra com a vantagem terem vencido o primeiro jogo da final, no último fim de semana, por 3 a 2. O Cruzeiro, que podia conquistar hoje o heptacampeonato, saiu na frente ganhando o primeiro set por 21/25.

bNo segundo set, o Cruzeiro seguia liderando o marcador, até que o Minas reagiu e mudou a história do jogo empatando em 11 a 11. A partir daí, os donos da casa passaram a controlar o jogo até fechar o set em em 25 a 22 e empatar a partida.

Motivado, o Minas seguiu dominando o jogo até virar o placar no terceiro set, ao vencer a parcial por 25 a 22. No entanto, o Cruzeiro voltou avassalador para o quarto set, chegando a abrir vantagem de 10 a 2. O Minas sentiu a pressão e a Raposa soube aproveitar o bom momento para fechar o set em 25 a 21, igualando o placar no Sabiazinho.

A definição do duelo foi para o tiebreak, o quinto e decisivo set. O Cruzeiro parecia se encaminhar para conquistar o heptacampeonato na Superliga: ganhava por 13 a 10 quando o Minas reagiu, passou à frente e teve o primeiro match point (ponto decisivo) para fechar o jogo, mas Heveraldo sacou na rede, e a Raposa empatou em 14 a 14. Depois o oposto Leandro Vizotto garantiu o segundo match point para o Minas, mas a Raposa empatou mais uma vez: 16 a 16. Mas não teve jeito: o Minas garantiu outro match point, em um bloqueio de Honorato, impedindo ataque de Wallace, que definiu a parcial em 18 a 16 e o triunfo do Minas do segundo jogo por 3 a 2.



Fonte: Agência Brasil

Nos siga no Google Notícias
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo