- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
segunda-feira, 26 fevereiro, 2024 - 01:08 AM
- PUBLICIDADE -

Cibersegurança: Robert Half divulga Guia Salarial 2024

Robert Half divulgou seu guia salarial anual para 2024, e os profissionais de cibersegurança continuam com alta demanda no setor de tecnologia brasileiro. O cargo de Analista de Segurança da Informação ocupa o primeiro lugar entre os mais buscados para projetos e o terceiro lugar dos mais requisitados para vagas permanentes. 

A média salarial revelada para os principais cargos em cibersegurança, destacados no guia e baseados em dados de São Paulo, oferece uma visão abrangente das expectativas para o próximo ano. O destaque vai para o cargo de Coordenador de Segurança da Informação, com salários variando entre 17.350, 20.000 e 23.750 reais.

Além disso, o Guia Salarial destaca que a confiança das empresas brasileiras no setor de tecnologia está em alta para 2024. Com 58% dos líderes de empresas planejando abrir novas vagas na área, e apenas 2% mencionando congelamento de posições, o cenário aponta para uma busca contínua por profissionais altamente qualificados.

A média salarial para os principais cargos de cibersegurança para 2024 é a seguinte*:

Cargo

25º (Candidato novo)

50º (Candidato nível médio)

75º (Candidato com experiência acima da média)

Coordenador de Segurança da Informação 

17.350

20.000

23.750

Analista de Segurança Sênior

11.450

15.000

19.300

Analista de Segurança Pleno

8.400

11.000

14.100

Analista de Segurança Júnior

6.100

8.000

10.250

PenTester

13.400

15.500

18.400

*Dados de São Paulo 

 

Metodologia utilizada pela Robert Half

O salário dos cargos listados no guia não inclui bônus, benefícios e outras formas de remuneração. O salário é dividido de cada cargo em três percentis para ajudar a personalizar as ofertas salariais para cada função. 

25º: Candidato(a) – novo(a) no cargo ou que ainda está desenvolvendo habilidades relevantes para o trabalho.

50º: Candidato(a) – tem experiência necessária e conta com a maioria das habilidades relevantes para o trabalho.

75º: Candidato(a) – tem mais experiência do que a típica e conta com todas as habilidades relevantes para o trabalho, além de especializações e certificações.

 

Profissões em alta na área de tecnologia

O Guia Salarial Robert Half 2024 mostra que mais da metade das empresas do Brasil estão com maior confiança para o ano que vem, 58% dos chefes querem abrir mais vagas na área de tecnologia, e 40% pretendem  que suas posições em aberto sejam preenchidas. Somente 2% das empresas falam de congelamento de vagas para o 2024.

Para o ano de 2024, é esperado que as empresas continuem a busca por profissionais altamente qualificados em diversas áreas da tecnologia. Destacam-se a demanda por engenheiros de dados, gerentes de TI, analistas de segurança e consultores ERP, além de desenvolvedores RPA.

Detalhes adicionais:

  • Setores com maior demanda de contratações: Bancos/Seguradoras/Fintechs, Indústria, Agronegócio, Saúde, Educação;
  • Funções mais procuradas: consultor ERP, engenheiro de dados, analista de segurança da informação, desenvolvedor RPA/automação, gerente de TI;
  • Profissionais mais desafiadores de encontrar (em todos os níveis): especialistas em ERP, dados, segurança da informação, inteligência artificial, computação em nuvem;
  • Competências técnicas em destaque: conhecimento em ERP, computação em nuvem, Python, Salesforce, banco de dados;
  • Certificações mais requisitadas: Infraestrutura: COBIT, CCPV; Redes: CCNA, CCNP, ITIL, CISCO; Computação em nuvem: Azure, AWS, Google Cloud; Segurança da informação: CEH, CISSP, ISO27001, CompTIA Security+, Certificações Salesforce;
  • Habilidades interpessoais valorizadas: habilidade de ensinar, flexibilidade, resiliência, trabalho em equipe e liderança.

Perspectivas salariais de algumas profissões de TI*:

Cargo

25º (Candidato novo)

50º (Candidato nível médio)

75º (Candidato com experiência acima da média)

Consultor ERP – ERP Consultant 

13.100

17.000

21.900

Gerente de Dados – Data Manager

21.600

28.000

36.100

Desenvolvedor RPA Pleno – RPA Developer

9.200

12.000

15.450

Gerente de TI Generalista – IT Manager

20.400

26.500

34.200

Especialista de Cloud – Cloud Specialist

12.000

15.000

19.350

*Dados de São Paulo 

 

Visão geral do mercado de cibersegurança: o estado atual

A forma mais simples de descrever tanto os riscos empresariais para a cibersegurança, como os desafios envolvidos na elaboração de políticas de cibersegurança, é dizer que a escala cresceu dramaticamente. Dados da pesquisa sobre o estado da segurança cibernética de 2024 da CompTIA apontam que do ponto de vista do cenário de ameaças, as empresas podem ver que o número de cibercriminosos está a disparar, a sua capacidade organizacional está a crescer e os danos potenciais de um ataque cibernético podem ser catastróficos.

Já do ponto de vista da segurança da informação, há muito mais dados a serem capturados, com implicações tanto na privacidade dos clientes como no risco operacional para os fluxos de trabalho internos. E do ponto de vista do produto, a inteligência artificial (IA) generativa está a acelerar as capacidades, muitas vezes aumentando ainda mais as lacunas de competências nas organizações.

A abordagem de defesa do ciberespaço está mudando – algumas das mudanças que surtiram efeito, segundo a pesquisa da CompTIA, foram que em 2022, apenas 25% dos entrevistados consideraram que o estado geral da segurança cibernética na economia estava a melhorar dramaticamente. Em 2023, esse número aumentou para 27%.

Também em 2022, apenas 24% dos entrevistados disseram que a segurança cibernética da sua organização era completamente satisfatória. Em 2023, esse número cresceu para 28%.

Mas a equipe de tecnologia da informação (TI) e os profissionais de segurança cibernética têm uma perspectiva diferente das partes interessadas executivas, mais de 4 em cada 10 executivos relatam estar completamente satisfeitos, mas apenas 25% do pessoal de TI e 21% do pessoal empresarial partilham esse sentimento.

Mesmo com pequenos ganhos de satisfação, ainda há muito espaço para melhorias. Markswell Coelho, coordenador da IBSEC – Instituto Brasileiro de Cibersegurança, prevê que “a próxima fase de maturidade envolve o estabelecimento e o aperfeiçoamento das operações de cibersegurança, utilizando políticas e processos estratégicos para impulsionar ações táticas em torno de pessoas e produtos”.

Mais informações: IBSEC

Nos siga no Google Notícias
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

Que fazer parte do nosso grupo no Wpp?